O jornalista precisa ou não de diploma?

Esta é uma pergunta sempre em pauta, eu particularmente acredito que todas as pessoas deveriam ter diploma de ensino superior, primeiro porque a Universidade abre a mente das pessoas (estou falando das boas escolas né…), não por acaso fiz duas faculdades, depois que o mercado dificilmente absorve um profissional sem formação. Portanto, o jornalista precisa sim ter diploma!

Mas não sou radical a ponto de defender que a formação seja em jornalismo. Eu fiz, amei e recomendo. Porém, conheço muito jornalista bom que fez Direito, Filosofia, Letras, Marketing… Assim como conheço muita gente com diploma de jornalismo que não sabe nem fazer a letra o com o copo, existem pessoas e pessoas, faculdades e faculdades, mas aí a discussão se estenderia e não é esta a minha intenção…

Prefiro deixar a discussão com quem entende do assunto e convidar a todos para o lançamento do mais novo livro do Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo: “Formação Superior em Jornalismo – Uma exigência que interessa à Sociedade”, amanhã (17/12), na Livraria da Vila (R. Fradique Coutinho, 915 – Vila Madalena) às 18h30.

convlivro

Blogs para procurar emprego

Procurando emprego na área de comunicação?

Indico alguns blogs que mostram ótimas vagas para estágios, trainees, freelas e vagas efetivas! A maioria é nas áreas de Jornalismo, Relações Públicas, Marketing, Publicidade e algumas vezes na área administrativa…

E se você não atua em nenhuma destas áreas, aí vai a dica! Procure blogs que mostrem vagas específicas da sua área, certamente será menos difícil achá-las!

Boa sorte!

Rede RP – http://rederp.blogspot.com/
Alexandre Sena – http://alexandresena.jor.br/linkzero/
Vencer com Pouco – http://vencercompouco.blogspot.com/
Marketing & Comunicação – http://mktcomunicacao.blogspot.com/
Repórter S/A – http://reportersa.zip.net/
RH da Madame – http://rhdamadame.wordpress.com/

CURSO GRATUITO PARA JORNALISTAS

Sempre atento às necesidades dos profissionais de Imprensa, o Instituto dos Auditores Independentes do Brasil- Ibracon, realiza, gratuitamente, nos dias 4 e 5 de novembro de 2008, das 9h às 13h, o curso de Análise de Balanço em Instituições Financeiras, especial para Jornalistas.

O objetivo da iniciativa é orientar os profissionais de imprensa na leitura das demonstrações contábeis, especialmente em instituições financeiras, enfatizando as características de balanços das empresas, de acordo com as normas do Banco Central e com as convergências às normas internacionais (IFRS).

Programa

– Processo Contábil
– Estrutura de Demonstrações Contábeis
– Introdução à Análise de Balanços – Principais Índices
– Principais Técnicas de Análise
– Convergência às normas internacionais (IFRS)

As inscrições devem ser feitas preenchendo a ficha (abaixo) e enviando para o e-mail valter@tamer.com.br

inscricao

Análise de Balanço em Instituições Financeiras
Data – 4 e 5 de novembro de 2008 (terça e quarta-feiras)
Horário – das 9h às 13h (nos dois dias)
Local – Ibracon
Av. Paulista, 2421 – 2° andar

Inscreva-se no Citi Journalistic Excellence Award

Jornalistas com mais de cinco anos de profissão e atuantes nas áreas de Economia, Finanças e Negócios em jornais, revistas, agências e sites de notícias tem até 21/11 para se inscrever no programa mundial Citi Journalistic Excellence Award. Podem participar editores, contratados, freelancers  e colaboradores brasileiros.

Para participar é necessário enviar até dois artigos ou matérias que deverão ter no mínimo 750 palavras e estar assinados unicamente pelo candidato. Caso não tenha assinatura, deverão vir acompanhados de carta assinada pelo editor, dando crédito ao jornalista. 

O vencedor ganhará 10 dias em Nova York para participar de um seminário exclusivo, realizado na Columbia Graduate School of Journalism, com as despesas de passagens aéreas, traslados, hospedagem e ajuda de custo, pagas pelo Citi.

O evento que acontecerá entre os dias 1º e 12 de junho de 2009 e será conduzido por renomados professores e doutores da Columbia University inclui workshops e painéis que contarão com a presença de acadêmicos e personalidades da economia mundial. Dominar o inglês é requisito, pois não haverá tradução simultânea.

A programação prevê visitas à Bolsa de Valores de Nova York, Federal Reserve, Banco Mundial, Fundo Monetário Internacional, Bloomberg Business News, palestras e encontros com executivos mundiais do Citi.

Tanto o jornalista vencedor, quanto o veículo que publicou a matéria ganham troféu. Vale ressaltar que não serão aceitas inscrições de proprietários, editores chefes, diretores de veículos de comunicação e profissionais já premiados em anos anteriores.

Desde a sua criação em 1982, o programa já contou com a participação de mais de 300 jornalistas de 37 países.

As inscrições terminarão impreterivelmente às 24h de 21/11/08. Só serão aceitas autobiografia em inglês, matéria publicada e ficha de inscrição, enviadas ou postadas até essa data-limite.

· Via correio: Citi Journalistic Excellence Award – 2009
Diretoria de Assuntos Corporativos e Comunicação
Av. Paulista, 1.111 – 13º andar, sala 3 – São Paulo – SP – CEP 01311-920

· Ou via e-mail, com os arquivos anexados em formato PDF, para: imprensa.assessoria@citi.com

Entrevista com Ana Paula Padrão

A última edição da newsletter Carreira & Sucesso, do site de recolocação profissional Catho, traz entrevista exclusiva com a jornalista Ana Paula Padrão. Há três anos Ana saiu da Globo em busca de mais qualidade de vida (o horário do Jornal da Globo, o último da grade, era muito difícil) e de um novo desafio profissional: remontar a redação de um telejornal que praticamente não existia, com a condição de mais para frente apresentar um projeto próprio.

Foi o que a jornalista fez, reformulou o telejornal do SBT e em seguida propôs produzir um programa semanal da emissora a partir de sua agência de conteúdo, a Touareg, que além do canal de TV tem clientes corporativos como Magazine Luiza, Vale, Sadia, Sesi e Monsanto. Sobre o assunto, ela afirma: “eu acho que hoje as coisas estão acontecendo dentro das empresas. É para lá que a sociedade vai migrar. As empresas vão ter a grande responsabilidade nos próximos anos, e é por isso que eu também estou migrando um pouco para essa área agora.”

E complementa: “Sou mais feliz no meu casamento, eu aprendo todos os dias a administrar uma empresa, fico muito feliz quando vejo que uma empresa precisa de mim, precisa do serviço que eu posso prestar, uma empresa que precisa de alguém que chegue e diga: o seu DNA é esse, a sua maneira de se comunicar com as pessoas é essa e isso tem reflexo direto na comunicação interna ou externa daquela empresa.”

Leia a entrevista na íntegra