Ferrari na cabeça

image001

Em pesquisa promovida pela organização do evento MPH Prestige & Performance Motor Show, de 5235 entrevistados:

* 48% elegeu  o cavalo da Ferrari como o símbolo mais icônico entre as marcas de automóveis;

* Seguido pelas asas prateadas da Aston Martin, com 25% dos votos;

* E pelo touro furioso da Lamborghini, com 8% da preferência, o símbolo da tradicional marca italiana é sinônimo de tradição e elegância.

Anúncios

Ferrari e Maserati passeiam por rotas da França e Itália

De 19 a 21 de setembro, entre Megève e Mônaco, acontecerá um prestigiado passeio reservado aos proprietários dos carros Ferrari e Maserati.

O evento organizado pela Red Cars Racing tem como objetivo percorrer as estradas e os roteiros gastronômicos das regiões, levando muito luxo às ruas das cidades.

O encontro começará na “Place de l’Eglise de Megève” (Praça da Igreja de Megève). De lá irão em direção ao Lago de Annecy, onde no Auberge du Père Bise (Castelo) acontecerá o almoço. À noite eles regressam ao ponto de partida, passando por longas rotas charmosas até chegar ao hotel Mont-Blanc.

A segunda etapa vai levar até Pollenzo, na Itália, com a passagem por “Colde l’Iseran”, que garante exepcionais vistas, onde haverá um coquetel pela Moët & Chandon e em seguida, um jantar no restaurante Guido.

Ao final está prevista uma exposição dos carros participantes que ficarão estacionados na Place du Casino até o final do dia.

Fonte: Webluxo

Enzo Ferrari, um pioneiro, um mito.

Enzo Ferrari nasceu em 1898. Iniciou na fábrica Alfa Romeo nos anos de 1920. Trabalhou nessa fábrica como mecânico, piloto e diretor de equipe.

Em 1929, criou a Scuderia Ferrari, a primeira equipe de corrida de automóvel independente das fábricas automotivas, mas com vínculo administrativo com a Alfa Romeo. No primeiro ano, a Ferrari venceu sete corridas, quatro em Cortese, duas em Nuvolari e uma em Sommer, num total de quatorze provas disputadas.

Em 1939, Enzo Ferrari abandona a Alfa Romeo. Durante a segunda guerra, fabrica veículos e equipamentos para a agricultura, mas sem prensar o seu nome em seus veículos, em respeito a contratos ainda vigentes com a Alfa Romeo. Em 1946, constrói o carro Ferrari 125 S, sob sua própria marca.

Enzo Ferrari sempre teve o projeto de fabricar vários tipos de carros para cada tipo de situação específica; em 1948, cria o monoposto de GP, com o motor 125 F1 (1500 cc). O modelo disputou a corrida da Itália naquele mesmo ano, conquistando o terceiro lugar.

Desde então, a equipe já conquistou mais de cinco mil vitórias, participando da Fórmula 1, do World Sportcar Championship e promove na Europa, EUA e América Latina o campeonato Ferrari Challenger, com carros ferraris 355.

Em 1969, parte das ações da empresa Ferrari foram adquiridas pela Fiat. Neste mesmo ano a Ferrari começou a circular no Brasil, sua importação foi proibida entre os anos de 1974 e 1990, a importação voltou a ocorrer a partir de 1993 e se fortaleceu a partir de 1996.

Fonte: Infoescola