13 de março – aniversário do tatimolini.wordpress

O blog está comemorando 1 ano hoje pessoal!!! Os números falam por si…

um-ano

Total de visualizações: 33.986 (quase 34 mil acessos!!!!)

Dia mais agitado: 326 acessos — 19 de outubro de 2008 (infelizmente dia do post da Eloá)

Visitas hoje: 182

Total

Artigos: 186

Comentários: 135

Categorias: 26

Tags: 487 (palavras-chave do post)

Anúncios

É muito bom morar em São Paulo!

Hoje é o aniversário de Sampa, 455 anos!!! E nada melhor do que apresentar alguns excelentes programas que podemos fazer por aqui.

Almoçar nas bancas de comidinhas das feiras de antiguidades das praças Benedito Calixto, em Pinheiros, e Dom Orione, no Bexiga, que acontecem no sábado e no domingo, respectivamente.
 
Circular pelas bancas do Mercado Municipal, na avenida do Estado, e consumir, sem medo de ser feliz, toda a sorte de guloseimas que encontrar pela frente http://www.mercadomunicipal.com.br
 
Deliciar-se com os irresistíveis sorvetes da Häagen Dasz. A loja mais charmosa da rede fica na rua Oscar Freire, 900, Jardins. Telefone: (11) 3062 1099
 
Comer qualquer item do cardápio 100% árabe do Almanara da rua Basílio da Gama, 70, no Centro – só a decoração anos 50 já vale a empreitada. Telefone: (11) 3257 7580 http://www.almanara.com.br
 
Ir ao brunch do Empório Santa Maria, na avenida Cidade Jardim, 790, aos sábados e domingos, e sentir-se no Dean&Deluca de Nova York. Telefone: (11) 3706 5211 
  
Provar o penne com melão e presunto cru do Spot, na rua Ministro Rocha Azevedo, 72, em meio ao clima mais hollywoodiano de São Paulo e não dispensar as profiteroles. Telefone: (11) 3284 6131
 
Resistir, se puder, ao tradicional Bauru do Ponto Chic do Largo Paissandu. Telefone: (11) 222 6528
 
Se abastecer de pães, frios e cia. na Padaria São Domingos, na Bela Vista, e sentir-se na Itália enquanto escolhe o que levar entre os comestíveis que ‘decoram’ a casa. Fica na rua São Domingos, 330. Telefone: (11) 3104 7600 http://www.bixiga.com.br/telas/padarias.htm

Tomar milk shake com leite maltado no Rocket’s, na alameda Lorena, 2090, enquanto ouve os hits dos anos 50 nas mini-jukebox dispostas sobre as mesas. Telefone: (11) 3081 9466 http://www.rockets.com.br
 
Deliciar-se com os bolos e pães preparados pelos monges do Mosteiro de São Bento. O Bolo Santa Escolástica é a melhor pedida.
Telefone: (11) 228-3633
 
Comer muitas empanadas e curtir a muvuca organizada do Bar das Empanadas, na rua Wisard, 489, na Vila Madalena. Telefone: (11) 3032 2116 
 
Degustar, sem peso na consciência, a dobradinha pastel de feira com caldo de cana em qualquer feira livre da cidade – de preferência na do Pacaembu, que acontece de segunda a sábado em frente ao estádio
 
Comer hamburguer e tomar milk shake de Chicabon no Joakin´s que serve há 31 anos, na rua Joaquim Floriano, 163. Telefone: (11) 3168 0030
 
Passear pela Cidade Universitária, na USP
 
Tomar café expresso com pão de queijo no Café Girondino, nas imediações do Mosteiro de São Bento. Fica na Rua Boa Vista, 365,
Telefone: (11) 229-4574
 
Provar o porpettone do Jardim di Napoli, na Rua Dr. Martinico Prado, 463, em Higienópolis. Telefone: (11) 3666 3022
 
Gastar todas as suas economias num jantar no Massimo. É caro, muito caro, mas vale a pena. O restaurante fica na Alameda Santos, 1826. Telefone: (11) 3284 0311
 
Tomar um breakfast supernatureba no Parque da Água Branca aos sábados de manhã e aproveitar para visitar a feirinha de produtos orgânicos que rola no local 
 
 Correr para a Vila Madalena num sabadão ensolarado para beber (quase ao ar livre) em algum dos pontos mais concorridos do bairro, como o Bar do Sacha ou o Jacaré !!!!
 
Nada mais paulistano que uma boa pizza, certo? O Pedaço da Pizza, como o próprio nome já indica, serve a iguaria em pedaços. O melhor: fica aberto até altas horas da madrugada. Fica na Rua Augusta, 2931. Telefone:(11)3891 2431
 
Assistir a um concerto na Sala São Paulo, na antiga estação Júlio Prestes, que tem uma das melhores acústicas da América Latina. Telefone: (11) 3337 5414
 
Assistir a uma peça, um balé ou um concerto no Teatro Municipal e sentir-se no Ópera de Paris. Telefone: (11) 223 3022
 http://www.prodam.sp.gov.br/theatro/index.html
 
Assistir a qualquer filme na Sala Cinemateca, que fica no antigo matadouro da Vila Mariana, na rua Senador Raul Cardoso, 207.
telefone: (11) 5084 2177 http://www.cinemateca.com.br
 
Pode até parecer um programa batido, mas uma visita ao Masp é realmente um programa obrigatório. Avenida Paulista, 1578. Telefone:
(11) 251 5644
 
Ir a um ensaio da escola de samba Vai Vai. A quadra fica na Praça 14 Bis, no Bexiga http://www.vaivai.com.br
 
Conferir a programação do Centro Cultural Banco do Brasil, na rua Álvares Penteado, 112, centro da cidade. Telefone: (11) 3113 3651
 
Pegar um cineminha no Espaço Unibanco, reduto dos cinéfilos paulistanos. Fica na Rua Augusta, 1475, Consolação. Telefone: (11) 688-6780
 
Conferir as obras de arte do MAM (Museu de Arte Moderna), que fica dentro do parque do Ibirapuera ( http://mam.terra.com.br), e do MAC (Museu de Arte Contemporânea), que fica dentro da USP, http://www.mac.usp.br
 
Dar uma passadinha no Museu Lasar Segall, que funciona no imóvel que serviu de residência ao artista até sua morte, em 1932, fincado na Rua Berta – que abriga as primeiras construções modernistas do Brasil http://www.spguia.com.br/museus/lasarsegall/lasarsegall.html)
 
Visitar o Museu de Arte Sacra, na avenida Tiradentes, 676, e…  http://www.saopaulo.sp.gov.br/saopaulo/cultura/museus_sacra.htm)
 
…aproveitar o passeio para conhecer a Pinacoteca que fica em frente ao Museu de Arte Sacra http://www.uol.com.br/pinasp , também na avenida Tiradentes
 
Conhecer o Centro Cultural do Liceu de Artes e Ofícios, na Rua da Cantareira, 1351, fundado em 1873.
 
Procurar preciosidades na biblioteca Mário de Andrade, na Praça Dom José Gaspar http://www.prodam.sp.gov.br/bib/mario
 
Visitar o belo (e pouco conhecido) Teatro São Pedro, construído em 1917. Fica na Rua Barra Funda, 171. Telefone: (11) 3823 9660
 
Levar as crianças na Sala Disney do Cinemark do Shopping Santa Cruz. Lá são exibidos somente filmes infantis, e a decoração vai fazer a alegria dos pequenos. Rua Domingos de Morais, 2564, na Vila
Mariana. Telefone: (11)3471-8066
 
Conhecer o Teatro Oficina, na rua Jaceguai, 520, epicentro de manifestos nos anos 60 http://www.dialdata.com.br/oficina
 
Conferir a biblioteca do Centro Cultural São Paulo, na rua Vergueiro, 1000
http://sampa3.prodam.sp.gov.br/ccsp/ccsp/index0.htm
 
Sentir-se num pedacinho do Japão no bairro da Liberdade. O ideal é fazer a visita aos domingos, quando acontece uma animada feirinha ao lado do Metrô Liberdade
 
Passear pela Praça. Vilaboim, em Higienópolis, no sábado à tarde, com direito a uma parada estratégica na banca de jornal.
 
Conferir a vista privilegiada do Bar do Jockey, na av. Linneu de Paula Machado, 1263, cercado de figurinhas da high society paulistana http://www.hcj.com.br
 
Visitar o Parque da Luz, na av. Tiradentes, que passou recentemente por uma recuperação como poucas realizadas na cidade
 http://www.prodam.sp.gov.br/dph/servicos/rotjdluz.htm
 
Ir ao Parque do Ibirapuera, na av. República do Líbano, durante a semana num dia de sol http://www.prodam.sp.gov.br/ibira/historico.htm 
 
Curtir o clima ‘Beverly Hills é aqui’ da rua Oscar Freire, na porção mais efevercente dos Jardins
 
Ir às festas gênero ‘mamma mia’ das igrejas Achiropita, na rua 13 de Maio, 478, na Bela Vista (realizada aos finais de semana do mês de agosto), São Vito, na rua Poliana Amare, 51, no Brás (no dia 15 de junho), e São Genaro (no dia 19 de setembro), na Moóca
 
Encostar o carro na Praça do Pôr do Sol, no Alto de Pinheiros, no finalzinho de uma tarde de verão. A vista é fantástica…
 
Visitar o Museu da Imigração e tentar descobrir as suas origens (http://www.memorialdoimigrante.sp.gov.br/Inicial.html ). Fica na rua Visconde de Parnaíba, 1316, na Moóca
 
Meditar no templo zen da rua São Joaquim, 273, na Liberdade.Telefone: (11) 278 4515
 
Embarcar num programa em família no Simba Safári, que agora está menos emocionante, com os animais presos, mas ainda vale uma visita. Av. do Cursino, 6338
 
Dar um pulinho até a Zona Sul para conhecer o Autódromo de Interlagos e suas corridas. Fica na Avenida Senador Teotônio Vilela, 167. Telefone: (11) 5666 8822 http://www.ainterlagos.com
 
Subir até o alto da Serra da Cantareira para conhecer as trilhas do Horto Florestal. Rua do Horto, 931. Telefone: (11) 6231 8555
 
Participar do terror instrutivo do Instituto Butantã, na av.
Vital Brasil, 1500. Telefone: (11) 3726 7222 http://www.butantan.gov.br

Assistir a um clássico no Estádio do Pacaembu, na Praça Charles Müller, sem número
 
Caminhar pela Avenida Odila, no Planalto Paulista, famosa por suas árvores frutíferas como jaboticabeiras e cerejeiras
 
Ver ‘relíquias’, como a mala do Crime da Mala, encontradas no Museu do Crime, na Praça Reinaldo Porchat, 219, Cidade Universitária
 
Observar a fúria consumista chic do Shopping Iguatemi, na Av. Brigadeiro Faria Lima, 2232 e, no final, investir num coffee break estilo primeiro mundo no Gero Café
 
Entrar no embalo das noites regadas a litros de chopp no Bar Pirajá, na rua Nova Faria Lima, 64, em Pinheiros. Telefone: (11) 816 6413
 
Passear de bicicleta em pleno Minhocão. Nos finais de semana, o trânsito de veículos é proibido no local. Se você não tem bicicleta, é possível alugar uma por lá
 
Curtir o verde do pequeno mas simpático Parque da Aclimação, na rua Muniz de Souza, 1119, na Aclimação
 
Percorrer a via-sacra paulistana, na avenida Nazareth, Ipiranga, abarrotada de que igrejas e colégios católicos
 
Ir aos jardins do Museu do Ipiranga, na av. Nazaré, s/n, e fazer de conta que está no Jardim de Luxemburgo, em Paris
 
Dar uma voltinha pelo Parque Burle Marx, na av. Dona Helena Pereira de Morais, 200, no Morumbi
 
Curtir o visual do alto do Terraço Itália (av. Ipiranga, 344, 41º e 42º andar) durante um jantar incrementado com baixelas de prata
 
Visitar o jardim que fica no alto do prédio do Banespa da Praça do Patriarca, no centro da cidade. A entrada é gratuita, e o local está aberto para visitação de segunda à sexta, das 10h às 17h.
 
Se entregar a um dia de consumo selvagem no circuito José Paulino, 25 de Março e ladeira Porto Geral
 
Conferir o acervo do Sebo Messias, o mais tradicional da cidade, com seus corredores estreitos e toda a sorte de relíquias. Fica no centro da cidade, na praça João Mendes, 166 http://www.terravista.pt/enseada/4538/)
 
Pechinchar correntinhas, anéis e pulseiras na rua do Ouro, também conhecida como rua Barão de Paranapiacaba, no centro da cidade
 
Abastecer-se de produtos importados na Casa Santa Luzia, o supermercado mais chique da cidade. Fica na Alameda Lorena, 1471,
Jardins. O telefone é (11) 3088 0663 http://www.santaluzia.com.br
 
Incorporar um caça-vampiros antes de visitar os túmulos grã-finos do Cemitério da Consolação
 
Percorrer a av. Ipiranga para ter a vista mais incrível do histórico Edifício Copan, assinado por Oscar Niemeyer
 
Dar uma espiada na casa de Armando Álvares Penteado, na rua Maranhão, 86, uma das construções mais refinadas da cidade a seguir o estilo art noveau. Atualmente a casa abriga as turmas de pós-graduação da FAU (Faculdade de Arquitetura e Urbanismo)
 
Conhecer o Pátio do Colégio, no centro da cidade, onde tudo começou
 
Conferir a exuberância da cúpula da Igreja Ortodoxa, ao lado do Metrô Paraíso
 
Tentar descobrir, em um passeio a pé, se os arranha-céus da Avenida Paulista são bonitos ou horrorosos
 
Conferir o chic da Igreja Nossa Senhora do Brasil, na esquina da rua Colômbia com a avenida Brasil
 
Visitar o Prédio da Bienal, no Ibirapuera, de preferência em um dia de evento ( http://www.uol.com.br/bienal/24bienal/fundacao.htm)
 
Ir até a sinagoga Beth-el, na rua Martinho Prado, 175
 
Conhecer o Memorial da América Latina, projetado por Oscar Niemeyer. A construção foi erguida em 1989 e não caiu até hoje nas graças dos paulistanos – que a consideram pouco convidativa www.memorial.org.br
Fica em frente à estação Barra Funda do metrô 
 
Fazer seus pedidos ao santo das soluções imediatas na Igreja de Santo Expedito, na rua Jorge Miranda, 264, perto da estação Tiradentes do metrô
 
Admirar a extravagância do Instituto Tomie Ohtake, na Avenida Faria Lima, 201, em Pinheiros
 
Visitar o prédio histórico dos Correios, no vale do Anhangabaú (Hoje é um Centro Cultural)
 
Posar para uma foto em frente ao Monumento às Bandeiras – também conhecido como ‘Deixa que eu empurro’ -, de Victor Brecheret, em frente ao parque do Ibirapuera